Como eu era antes de você - Jojo Moyes  Titulo original: Me Before You ||  ISBN: 9788580573299 ||  Tradutor:  Beatriz Horta ||  Ano...

RESENHA: Como eu era antes de você - Jojo Moyes

2 Comments

Como eu era antes de você - Jojo Moyes 

Titulo original: Me Before You || ISBN: 9788580573299 || Tradutor: Beatriz Horta || Ano: 2013 ||
Páginas: 320 || Editora: Intrínseca

Confesso que estava com um pouco de medo de pegar esse livro pra ler, teve quem disse que era só mais um romance mela cueca ai você ja viu né. Comprei ele na (unica) feira da Saraiva que teve no shopping da minha cidade. Sim! Eu comprei ele pela capa, eu nunca tinha lido nada da Jojo nem mesmo o "A ultima carta de amor"  dai vi a capa, achei lindo e quando vi já tava no caixa.


Sinopse

Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Trabalha como garçonete num café, um emprego que não paga muito, mas ajuda nas despesas, e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe. Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Tudo parece pequeno e sem graça para ele, que sabe exatamente como dar um fim a esse sentimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro. Como eu era antes de você é uma história de amor e uma história de família, mas acima de tudo é uma história sobre a coragem e o esforço necessários para retomar a vida quando tudo parece acabado. 



Sobre o meu pequeno engano...


 Eu achei que me enjoaria e encostaria o livro ainda nas primeiras paginas, mas ja mesmo no primeiro capitulo a história vai tomando corpo. Esse é aquele tipo de história que te prende e te faz imaginar detalhadamente cada sena e dialogo, nos fazendo repensar varias atitudes na vida real.
Eu simplesmente me apaixonei pela história de Will Traynor Louisa Clark. Will era um homem ativo e que adorava aventuras. Mas sua vida mudou completamente depois que sofre um acidente. Ele fica tetraplégico e dois anos depois, o café onde Louisa trabalhava fecha as portas e Lou acaba conseguindo um emprego como cuidadora de Will

“E sabe o que? Ninguém quer ouvir esse tipo de coisa. Ninguém quer ouvir você falar que está com medo, ou com dor, ou apavorado coma possibilidade de morrer por causa de alguma infecção aleatória e estúpida. Ninguém quer ouvir sobre como é saber que você nunca mais fará sexo, nunca mais comerá algo que você mesmo preparou, nunca vai segurar seu próprio filho nos braços. Ninguém quer saber que às vezes me sinto claustrofóbico estando nesta cadeira que tenho vontade de gritar feito louco só de pensar em passar mais um dia assim”. Pag.220

Com apenas algumas semanas de trabalho ela descobre que Will já tentou suicídio e que seu contrato seria apenas para seis meses porque, ao final deste período, Will pretende ir a Dignitas para morrer. Com essa descoberta Lou pensa em desistir, porém ela toma como missão tentar convencer Will de que, mesmo com todas as suas limitações, vale a pena continuar vivendo, e para isso elabora planos e programas diários a fim de mostra-lo que ele ainda pode viver uma vida feliz. É claro que no início foi um pouco difícil, mas Lou conseguiu o que pareceria ser impossível: entrar na bolha amargurada de Will. Aos poucos foram construindo uma relação de amizade que quando menos se espera se transforma em amor.

Não consegui ver sua boca, mas seus olhos se apertaram, um pouco divertidos. Eu queria que continuassem assim. Queria que ele fosse feliz, que seu rosto perdesse aquele ar assustado. Comecei a tagarelar. Contei piadas. Cantarolei baixinho. Fiz de tudo para estender o momento antes que ele voltasse a ser sombrio. Pag.91

A narrativa é em primeira pessoa e é feita pelo ponto de vista da Louisa, apenas o prólogo nos mostra a visão de Will. A leitura é muito fácil e agradável, como disse é aquele tipo de livro que você não consegue largar, você precisa, necessita saber o que vai acontecer no próximo capítulo. Jojo tem uma sensibilidade para abordar temas tão delicados que me deixou de queixo caído. 



Clinica Dignitas:

A clínica Dignitas citada na resenha, e consequentemente no livro, fica em Zurique na Suíça e foi fundada em 1998. A ideia da “organização” é auxiliar as pessoas (pacientes em casos terminais) que desejam tirar a própria vida. O que atrai pessoas do mundo todo? Ela possui o apoio legal da região para praticar o que, na maioria do mundo, é ilegal.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Finalizando, recomendo "Como eu era antes de você" a pessoas que não chora com facilidade, afinal ninguém quer um livro todo molhado, digo por experiência própria. 

FAVORITADO 
(Livro e Autora)   





Post que você também pode gostar: